Saúde da mulher na maturidade: dicas para viver mais e melhor - Poupafarma

Saúde da mulher na maturidade: dicas para viver mais e melhor

Dicas simples para mudar seu estilo de vida e prevenir a hipertensão arterial
23 de abril de 2021
Exibir tudo

Saúde da mulher na maturidade: dicas para viver mais e melhor

Desde a década de 1940, a expectativa de vida da população brasileira aumentou mais de 30 anos, o que é ótimo porque vivemos mais. Só que, ao longo do tempo, nosso corpo passa por transformações e alguns cuidados nos ajudam a lidar com essas mudanças que nos proporcionam uma vida muito mais saudável. Por isso, separamos algumas dicas para você não apenas viver mais, mas também viver melhor.

A sua necessaire pode salvar seu dia

Além de viver mais, a mulher possui uma vida muito mais ativa na maturidade. Se antes era apenas casa e filhos, a rotina dos novos tempos inclui casa, filhos, trabalho, academia, estudo e muitas outras atividades. Por isso, é bom andar sempre preparada com produtos que você encontra na farmácia e vai precisar em algum momento do seu dia, como: lenço umedecido, filtro solar, pinça, creme hidratante, lápis preto, batom e analgésico para aquela eventual dor de cabeça.

O tal do metabolismo

Muito se fala sobre a redução do metabolismo na maturidade, mas muita gente não entende o que isso significa. O metabolismo é a maneira em que o corpo produz e gasta energia. Então, quem possui um metabolismo acelerado perde calorias mais rápido e o contrário acontece com quem tem o metabolismo lento. É verdade que o metabolismo diminui a partir dos 30 anos, mas essa alteração é bem menor para pessoas ativas. Por isso que a atividade física e uma alimentação equilibrada são tão importantes.

Alimentação e as vitaminas que fazem a diferença

Você sabe que comer verduras, legumes e frutas é fundamental, mas há alguns detalhes para se atentar. É importante ingerir alimentos que contenham antioxidantes e eles estão mais presentes nas frutas cítricas como limão, laranja, acerola e em vegetais de tom alaranjado como a abóbora. Outro elemento fundamental é o cálcio. A partir dos 50 anos, a absorção desse elemento diminui e pode levar à osteoporose, que enfraquece os ossos. Então, não deixe de incluir na sua dieta: leite e seus derivados, folhas verdes escuras e grãos como gergelim e quinoa. E ainda há também outro componente essencial para a absorção de cálcio no organismo: a vitamina D. Ela é encontrada em alimentos como peixe, fígado, ovo, cogumelos e em suplementos que ajudam a aumentar a carga desse nutriente no seu organismo. Só não se esqueça de um detalhe fundamental: para a vitamina D ter efeito no seu corpo é necessário um banho de sol diário (sem filtro solar) por 15 minutos.

A pele é seu cartão de visitas

Lembre-se que sair ao sol sem filtro solar só é permitido por quinze minutos. Nas outras 23 horas e 45 minutos do dia, o protetor solar é obrigatório. Ele é o principal produto para evitar o envelhecimento. Na maturidade, é recomendável optar por um filtro solar com elementos hidratantes que evitam o ressecamento da pele. Aliás, a hidratação é um mandamento essencial neste período. Invista em cremes hidratantes e beba muita água porque seu corpo precisa se hidratar por dentro e por fora. E não se esqueça dos cabelos, eles também precisam de hidratação conforme ficam mais brancos e você também deve apostar em xampus conhecidos como silver, que evitam o tom amarelado que os cabelos grisalhos podem adquirir. Para as mãos, utilize sabonete com princípio hidratante, pois também previne o ressecamento.